Setenta vezes sete


Às vezes o caminho do perdão é longo – demasiadamente longo. 
Exige sacrifício do Ego e respeito pela dor do outro. 
Não acontece da noite para o dia. 
É preciso tentar e insistir na paz, na restauração da confiança e na reconciliação da afeição, não apenas sete vezes. 
Mas sim, setenta vezes sete...
_VBMello

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luta minha de cada dia

Não existe razão para ter medo...

Mas se não tiver amor, nada serei...

Francamente, esse Jesus é um estraga-prazeres!

Vida de comunhão com Deus

Bem-aventurados os humildes