Tudo posso naquele que me fortalece.


Reino de Deus...


Para além da realidade temporal deste mundo, onde nascemos, sonhamos e morremos, existe uma realidade eterna, que nos atrai, nos penetra e nos chama. Uma realidade espiritual superior a todas as formas de cultura, poder e espiritualidade materialista, que no presente século, como uma erva daninha, seduz a alma e corrompe o coração das pessoas. 


Um lugar - e uma condição – completamente inalcançável pelo esforço de ONGs, políticas, religiões e ideologias humanas. Um lugar, onde as formas de poder e espiritualidade que governam e exploram este nosso mundo decadente, não têm qualquer valor, influência ou poder, e a felicidade e as alegrias derivadas da vitória dessas coisas, não fazem qualquer sentido, posto que são parte da mesma estrutura de injustiça que gera e sustenta o atual estado de corrupção do mundo.

A natureza humana...

O homem é um composto misterioso de corpo e alma, de matéria e espírito que se unem intimamente nele, para formarem uma única natureza e pessoa. É pois, dígamo-lo assim, o ponto de junção, o traço de união entre os espíritos e os corpos, uma síntese das maravilhas da criação, um pequeno mundo que resume todos os mundos, e manifesta a sabedoria divina que soube unir dois seres tão dissemelhantes.
*

Compêndio de Teologia Ascética e Mística - Adolphe Tanquerey

O princípio das dores...


Coração indeciso, terra ruim para a semente do evangelho...

















Fé, esperança e amor
O coração onde essas três virtudes 
Esfriam, enfraquecem e morrerem
Lembra o terreno duro e espinhoso 
Descrito na parábola do semeador
Onde a semente que cai no chão ruim
Penetra as raízes e começa a germinar
Mas não vai muito além disso
Sufocada pelos espinhos
Não demora até que perde as forças, seca e morre...


Assim também, disse Jesus, é com aquele que escuta o evangelho e nutre por ele, uma breve simpatia. 


A luz do evangelho ilumina o seu coração e desperta o seu olhar.  Abre novos horizontes diante dos seus olhos. Acorda sonhos antigos e desperta novas esperanças. Coloca diante dos seus pés, um novo caminho e o orienta num modo novo de viver. Ele, empolgado com a novidade, dá alguns poucos passos e até experimenta alguma alegria e esperança... Mas não vai além disso.

Ao olhar para Cristo, encontrei a Divindade...

Encontrar o Divino dentro do próprio coração... Que seja... Não é o meu caso... Mas, como se diz, tudo na vida é uma questão de olhar. Cada um, segundo a sua própria cobiça, tem o seu modo preferido de olhar, e, segundo a opinião, a fé e o coração de cada um, qualquer coisa, qualquer coisa mesmo, pode ser considerada divina. É só olhar ao redor, considerar a infinidade de religiões e examinar as superstições e as crenças das pessoas, para ver que, segundo a opinião dos homens, o mundo é um lugar cheio de possíveis divindades dignas de temor, sacrifício e adoração. 


Alguns - não poucos - [dizem] encontram o Divino na Natureza. Outros, -[dizem], dentro do próprio coração. E há aqueles que -[dizem], o encontram nas estrelas e na posição dos astros. Quanto a mim, pobre de mim, que não sou panteísta, nem poeta, nem nada de especial, jamais encontrei o divino no pouso do meu olhar, nem mesmo quando - demoradamente - o pousei nas profundezas do meu coração. 

Sal da terra e luz do mundo


Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens. Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Pelo contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa. Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus. [Mt 5:13-16]



* * *


Assine o Feed do blog Evangelho e Poesia. Gosta das postagens do blog? Acompanhe todas as atualizações no leitor de Feed. Blog atualizado várias vezes por semana. Cadastre-se agora. Clique no link abaixo.


Peregrino...




Como o vivo vento forte do Norte
Que sob o firmamento desta era
Atraído pela viva chama de vida 
Que está muito além do alcance
De tudo, que o dinheiro pode comprar
Ou a mentira tomar e construir
Ou a hipocrisia barganhar
Vento incansável do Norte
Que percorre longas distâncias
Ou como os rios que correm a terra
E mergulham na direção do mar



Através da minha solidão
Pois é em profunda solidão
Ligado ao Espírito de Deus
Que um homem forja 
A riqueza da sua alma



E dos meus dias de alegria
Pois é vivendo em comunhão
Que um homem compartilha
As riquezas do seu coração




Sou peregrino nesta terra
O meu caminho é estreito
Mas os meus motivos 
São puros e elevados
Diante da noite escura
Não fujo, nem retrocedo
Os fantasmas do passado
Não me ferem, nem me assustam
O futuro, não me deslumbra
Neste tempo chamado presente
Num chão de dias sombrios e farto
De buscas e expectativas escorregadias
Não aprofundo as minhas raízes
Nem respondo chamados incertos
Não sou planta do chão deste mundo
Levo nas profundezas do coração
Sementes que só germinarão na eternidade
Das aventuras e desventuras desta vida
Não alimento saudades, nem tristezas
Só levo o que me alimenta para a vida eterna...


Anjo canta com Jason Upton...



Minha opinião? Sério? Qual quê! Anjo gospel? Não! Ora, ora, claro que não. Só mais uma, entre tantas, superstição evangélica. É claro que eu não acredito nisso...  Anjo coisa nenhuma...


O vídeo até que é legalzinho... Mas no quesito superstição evangélica... No tópico "ingenuidade de crente", acredite, já vi coisa muito pior.  "Coisa de endoidecer gente sã", diria Renato Russo.


Seja como for, isso, esse vídeo infantil, não aumenta a fé de ninguém. Aumenta a superstição. Aliás, coisa triste, isso que chamamos de igreja evangélica, em nossos dias, tem sido um chão fértil para o surgimento de tudo que é superstição. O que esse povo lê? A Bíblia? Sério?... Então, tá... Deixa pra lá...


Falando sério: Quer mesmo aumentar a sua fé? Mesmo? Quer ser impactado de verdade, pela verdade? Então deixa de lado essas musiquinhas de anjo, pois existe um caminho mais estreito e certo do que esse evangelho água com açúcar, show gospel para divertimento de pessoas ingênuas, que andam correndo atrás de uma fé barata e sem compromisso com a Palavra de Deus. O Caminho de todo cristão sério, que deseja desenvolver uma fé saudável, ao invés de encher o coração de superstição.


  

Leia a sua Bíblia - de Gênesis até Apocalipse (Várias vezes). Pois, como o apóstolo Paulo diz: A fé vem pela disposição humilde de sentar aos pés de Cristo e ouvir - e viver -, a simplicidade da Palavra do Evangelho. O resto, meu irmão, é superstição.  Coisa que arrepia a pele, mas não transforma o coração de ninguém... É isso! - _VBMello

Caminhos...


Há caminhos que são largos
Cheios de ambição
Sucesso, risos e festas
Cheios de muita grana
Orgias, luxo e prazeres
Mas são vazios de vida
E pobres de alma...


Há caminhos que são estreitos
Silenciosos, quietos
Humildes e sem parecer
Mas são cheios de vida
E transbordantes de graça
Fé, esperança e amor...


A verdadeira diferença
Entre um caminho e outro
Alguns – infelizmente
Só conseguirão compreender
Quando for tarde demais
Para compreender essas coisas...
_VBMello

Onde os valores se invertem...



Para além do reino da carne e do sangue
Oculto como mistério que anseia ser revelado
Diante do silêncio do meu coração
Que escuta, sonha, pondera e sente
Pressinto os portais de outro mundo
Mais profundo, mais justo e verdadeiro
Onde tudo transborda de vida, alma e espírito
E as batalhas da existência são travadas
Pela força da fé e vencidas pela coragem do amor


Na vastidão deste novo mundo
Onde os valores se invertem
E um homem não vale pelo que tem
Mas pelo que ama, sonha, luta e crê
Onde as fomes que devoram a vida
São todas saciadas pela força
De uma só palavra de Deus: Haja luz


Em silêncio e quietude, sem visível aparência
Como uma semente que acorda sob a terra
As sementes todas da minha poesia
Como o canto de esperança dos pássaros
Que sempre aparece ao amanhecer
Não importando quão grande tenha sido
A escuridão, a solidão e o frio da noite
Surgem nas profundezas da minha alma
Animam e refrigeram o meu espírito
E guiam-me pelos mistérios insondáveis
De um reino chamado de reino de Deus


Onde o desabrochar das flores
E o canto de mil anjos
Tem mais poder e vida
Do que um exército de canhões
E o sussurro da voz de Deus
Tem mais força do que socos e gritos
Ideologias, guerras, terremotos e vendavais...


Sim, para além do que é visível
Para além do que podemos ver
Cruzando os caminhos estreitos da fé
Vislumbramos um reino de alturas
E muralhas intransponíveis
Um reino que não é proibido
Um reino de paz e justiça
Um lugar de alegria
Um jardim de descanso
Que não pode ser conquistado
Por força ou comprado por dinheiro
A casa do nosso Pai Celestial
Um lar interminável para todos nós...
_VBMello

A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo.


Ó Deus, tu és o meu Deus, eu te busco intensamente; a minha alma tem sede de ti! Todo o meu ser anseia por ti, numa terra seca, exausta e sem água. [Salmo 63:1]




Em algum lugar - nas profundezas do meu coração
Onde homem algum chega, sente ou vê
As fronteiras deste mundo de dores
Terminam e dão lugar às suaves
Fronteiras da eternidade


Neste recanto sereno
Da minha existência
Só o que é essencial
Permanece e importa


Nesta fronteira do meu eu
Onde a minha insuficiência
Se encontra com a imensidão
Largura, altura e profundidade
Da graça e do amor de Deus
Eu descanso dos meus cardos e abrolhos
E a minha alma encontra ninho para si
E as muitas fomes do meu espírito
São todas saciadas pela presença
Da Palavra viva de Deus, Cristo Jesus
Verbo de Deus e Luz do mundo...
_VBMello

Antes da fundação do mundo...

















Não ontem, não hoje, não no dia do nosso nascimento, ou em algum dia do futuro, mas antes mesmo da fundação do mundo. Em ânsias de puro amor, ele, o Senhor, nos chamou de filhos e nos predestinou para a sua glória e louvor.


Não por qualquer boa obra nossa, mas apenas pelo seu amor e graça, a nossa existência - no coração dele - é um milagre que antecede a existência de tudo. Sim, antes da existência do mundo, a nossa existência foi predestinada pela sua graça e amor, para o seu louvor.


Antes da existência do céu, da terra e dos anjos... Antes de tudo. Antes do tempo e do espaço. Antes do mar e antes de os rios correrem para o mar. Antes das árvores e dos pássaros nas árvores. Antes da primeira flor. Antes do primeiro verão e da primeira primavera. Antes do primeiro inverno e do primeiro outono. Antes do primeiro pássaro cantar. Antes da lua iluminar a primeira noite. Antes de o sol iluminar o primeiro dia. Sim, antes de o mundo começar a existir e mesmo depois que este mundo deixar de existir, de eternidade em eternidade, para sempre, para sempre e para sempre, nós somos os seus filhos e ele é o nosso Pai.


Com efeito, e isso é maravilhoso demais para a nossa mente compreender, antes mesmo que o Espírito pairasse sobre as trevas do abismo e fosse dito: Haja luz! Ele, em Cristo, nos escolheu e nos chamou de filhos e herdeiros. Somo dele e ele é nosso, desde antes mesmo da fundação dos tempos.


Sim, antes mesmo que você chamasse pelo seu pai, ou gritasse pela sua mãe, ele te chamou de filho... 
_VBMello

E os dois se tornarão uma só carne...





















Sim, a mulher é a ajudadora do homem
Contudo, estritamente falando
Isso é texto fora do contexto
Porque – e não adianta procurar
Exceção para esta regra
Pois não existe mesmo



Para funcionar satisfatoriamente
A relação entre um homem e uma mulher
Não pode ser unilateral
Se, como se diz, no casamento
Homem e mulher
Se tornam uma só carne
Então, claro, o homem também 
É ajudador da mulher




Acredito piamente
Que onde prevalece
A ideia machista
De que o homem
É o cabeça da mulher
Ao invés da disposição
Mútua e sincera
De um ser ajudador do outro
Não há casamento
Há exploração, uso e abuso
Da mulher... É isso.
_VBMello

O evangelho de Deus...


O evangelho de Deus, que não é outra coisa
Senão Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador
Não é uma invenção da sabedoria humana
Não é um show da fé, não é um show gospel
Não é algo dado para o divertimento das pessoas
É o poder de Deus para a salvação de quem crê


As suas raízes remontam ao Jardim do Éden
Quando Deus fez a promessa de um salvador
Promessa essa que nunca foi esquecida por Deus
Mas que foi, de muitas maneiras, anunciada e avivada
Pela determinação dos antigos profetas hebreus
E finalmente realizada e revelada, sem medida
Como uma torrente que jorra no deserto
E como uma luz que brilha nas trevas
Na pessoa de Jesus Cristo, Filho de Deus
E propagada, a preço da própria vida
Pelos seus apóstolos e discípulos


Não, o evangelho não é o fruto final
De uma evolução filosófica
Do espírito e da razão humana
Não é o fruto da invenção
E da investigação humana
Ou a descoberta de algum psicólogo
É a pura - e sem par no mundo todo - revelação de Deus


Revelação essa, que não pode ser mudada
Mutilada ou usada para explorar a fé do povo
Ai daquele que usar indevidamente 
O nome e o evangelho de Cristo
Melhor lhe fora nunca ter nascido
Pois Deus zela pelo seu evangelho



Ser cristão é permanecer no evangelho
Como ele foi revelado por Deus
E anunciado pelos apóstolos de Jesus


O que ficar aquém disso, ou passar disso
É invenção humana, mentira, manipulação de almas
Show gospel para diversão, enganação e alienação do povo
Coisa imoral, onde os pastores ficam cada vez mais ricos
E o povo cada vez mais pobre, ferido, explorado e dependente 
De rituais e sacrifícios, assim chamados, espirituais...
_VBMello

Andar por fé...



Se hoje vocês ouvirem a sua voz, não endureçam o coração... [Hebreus 3:15]

O Evangelho de Jesus...

Se o evangelho que você prega
Está em você, no seu coração
Ou melhor, se pode ser aprendido
E alcançado pela via dos seus estudos
De psicologia, filosofia, sociologia
Ou por qualquer outra via humana 
Então, lamentavelmente, meu querido
O que você prega, não é evangelho, longe disso
E nem você é um pregador do evangelho
Embora lhe chamem pastor, bispo ou o que for

Você é um charlatão, um “bobo alegre"
Talvez até mesmo, um mercenário
Ou um lobo vestido de ovelha
E o seu arremedo de evangelho
É só mais um híbrido de ciências humanas
Religião comparada, tudo rematado
Pela sua própria imaginação, vaidade e cobiça
Um discurso vazio de poder e verdade de Deus
Uma bobagem que parece que funciona
Só porque encanta ouvidos que vivem coçando
Atrás de qualquer novidade supostamente espiritual



O verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo
Paulo sabia isso perfeitamente
É um mistério, uma revelação do alto
Uma graça dada somente por Deus
É a pura e perfeita verdade de Deus
Completamente inatingível por esforços 
Da razão, da vontade e do coração humano



É algo, um encargo, que Deus nos dá
Algo que nos ultrapassa, nos modifica
Nos anima, motiva, constrange, inspira
E nos transpassa com as chagas profundas
De uma missão, que não podemos deixar de cumprir
Algo que antes de nos ser dado, não estava em nós
Algo que depois de nos ser dado, não é nosso, mas de Deus
Algo que, mesmo que estudássemos todos os livros do mundo
Nunca chegaríamos a compreender, aceitar e amar
Pois tanto a sua origem, quanto a sua compreensão
É pura graça de Deus, coisa divina e não coisa humana... É isso.

_VBMello

A NOSSA LUTA CONTRA O PECADO - (Um fragmento autobiográfico)



A NOSSA LUTA CONTRA O PECADO
(Um fragmento autobiográfico)


[Texto ideal para dar tédio e fazer dormir]


- - -


Na luta contra o pecado, vocês ainda não resistiram até o ponto de derramar o próprio sangue. [Hebreus 12:4]

*

O que é viver livre do poder do pecado?
É viver dependente da graça de Deus
É negar a si mesmo, sem cessar


Eu, por exemplo, nunca fui manso
Aqui, para falar do pecado
Me perdoem se falo de mim
Da minha própria luta pessoal
Mas se falo de mim, é porque acredito
Que este é o único modo sincero
De compreender a luta contra o pecado
Ou seja, lutando-a você mesmo


Pois bem, eu nunca fui calmo
Nunca fui manso e sereno
A minha vontade é de chutar o balde


Pois bem, como lidar
Com esse temperamento
Sendo um cristão sincero?


Claro, eu poderia dizer
Que eu nasci assim
Que eu sempre fui assim
Que não tem jeito mesmo
Ou então, pior ainda
Poderia fingir que não sou assim
Ansioso, agitado e com uma tendência
Esquisita de não levar desaforo pra casa
Mas isso não funciona comigo
Nunca tive vocação para hipocrisia


Quando me converti, eu era um cão doido
Rosnava e mordia fácil, fácil
Uma vez joguei a minha Bíblia fora
E desisti da luta
Definitivamente, não havia modo
De vencer aquele temperamento infernal


Mas eu não sou de desistir do que começo
Tomei a minha Bíblia de volta
E comecei a lê-la todo dia
Li e reli, uma, duas, várias vezes


Não demorou para que eu notasse
Que do Gênesis até o Apocalipse
A Bíblia estava repleta de gente
Com um temperamento 
Muito pior do que o meu


Diante de Manassés, eu era um santo
Diante de Davi e Salomão, pai e filho
Eu era castíssimo, quase um monge
Diante de Pedro, ou de João, chamado
De filho do trovão, e que depois virou
Apóstolo do amor, eu era duas vezes santo


Demasiadamente me impressionou
A conversão de Saulo de Tarso
Como explicar uma coisa daquelas?


Mas realmente o que me deixou de queixo caído
Foi a transformação que as pessoas sofriam
Ao se aproximarem de Cristo
Pensei comigo: Não sou nenhum gadareno
Talvez haja esperança para mim também


Fui orar e jejuar, mas logo vi que a vitória
Contra a minha natureza pecaminosa
Ia exigir um pouco mais de mim
Ia exigir a minha participação ativa
Não bastava orar e jejuar
Era preciso dizer não ao pecado
Que habitava em mim
Foi então, que a verdadeira luta
Da minha vida começou
Seja como for, me posicionei em Cristo
E comecei a minha longa luta


Mas como lutar? Eu não sabia
E não tinha ninguém para me ensinar
Eu vivia ao lado de um monte de gente
Diariamente derrotada pelo pecado
E que só fazia se arrepender
E que pensava que isso
Era tudo que a vida com Deus
Tinha para oferecer e dar


Acredito que foi nesse ponto
Que o Espírito entrou
Assim que tomei a decisão
As coisas, ainda que lentamente
Começaram a acontecer


Quase posso dizer que tudo
Aconteceu intuitivamente
Quando dei por mim, estava
No meio da guerra contra
A minha natureza pecaminosa
Dizendo um não atrás do outro
Caia mais do que ficava em pé
Mas desistir, isso nem pensar


Me agarrei ao evangelho
E o lia, de cabo a rabo, sem parar
Praticava, para aumentar a fé
Já que a fé vem pelo ouvir


Assim, levado pela graça de Deus
Crendo que a Bíblia é a Palavra de Deus
E que Cristo é o seu Filho
E certo de que o Espírito é o meu ajudador
Sem barganhas e desculpas
De peito aberto para o que desse


Comecei a negar em mim
Os hábitos pecaminosos
Da minha velha natureza
Era preciso matar o velho homem


Recusei a ser como era
Se Pedro mudou, por que, não eu?
Se João, o filho do trovo, mudou
E virou apóstolo do amor
Eu poderia mudar também


Resolvi que não me conformaria
Com os desejos doidos
Do meu coração
Pedi a Deus
Um novo coração
E nisso insisti
Até as fronteiras
Do desespero


Mas o novo coração não nasceu sem dor
Nasceu da leitura do evangelho
E de uma entrega completa a Deus
A vida inteira eu tinha vivido
Na base do oito ou oitenta
Então, mergulhei de cabeça
Sem dia marcado para voltar
À superfície, mergulhei
O mais profundamente
Que consegui...
Larguei amigos
Abandonei lugares
Fugi do mundo
E resisti ao diabo
Claro, choveram criticas
Ao meu novo modo de ser


Busquei parcerias contra o pecado
Colei naqueles que lutavam
A mesma luta que eu
E, acredite, eram poucos


Seja como for, logo estávamos nos ajudando
Lentamente, mas de forma definitiva
Algumas vitórias começaram a acontecer
Mas confesso que cortar o pecado
Que me habitava, doía, e doía muito
Vire e mexe, dava uma vontade danada de desistir


A meu favor, eu tinha a desculpa da depressão
Então, vi que era preciso seguir em frente
Com depressão ou sem depressão
Pois quem quer seguir pelo caminho da vida
Não pode ficar o tempo todo arrumando desculpas
Continuei - e continuo - lutando contra o pecado
E vou continuar até que, sem hipocrisia
A vitória completa se realize e eu desfrute
Da plenitude da minha liberdade em Cristo


O meu modo de lutar, era assim - e ainda é
Se quero gritar, venço o grito
Pela força do silêncio


Se quero quebrar, venço a ira
Pela força da paz


Ao invés de falar palavras rudes
Falo palavras mansas


E assim, pouco a pouco, a poesia
Foi aparecendo no lugar
Da falta de educação
A vontade do Espírito
Surgiu no lugar
Da minha própria vontade


E a bondade de Deus
Pouco a pouco
Ocupa o lugar
Do meu pecado
A luz expulsa as trevas
A Mansidão vence a ira
A humildade vence a arrogância
E a santidade vence o pecado


Portanto, não se iluda
Eu entendo perfeitamente
Quando alguém diz
Transbordando de desculpas
Que não consegue largar
Determinado pecado


Entendo quando a pessoa
Vem com a desculpa esfarrapada
De que somos todos nascidos no pecado
E que dele não podemos escapar jamais


Claro, é verdade que não podemos
Escapar completamente
Da nossa natureza pecaminosa
Mas pela graça de Deus
Nós podemos lutar contra ela
Podemos dizer não ao pecado
E podemos ficar livres do poder dele
Mas isso dói e dói muito
Dói porque envolve
Abandonar as desculpas
E cortar o pecado na própria carne
Dói porque crescer e amadurecer dói mesmo


Sim, eu entendo como, feito criança
A pessoa se arrepende
Do mesmo pecado
Setenta vezes sete
Ou até mais


E, apesar do tempo decorrido
Nunca amadurece espiritualmente
E passa a vida chafurdando
Num ciclo vicioso
De pecado e arrependimento
Ou, se católica, pecado e confissão


Entendo, porque essa é uma luta que dói
Entendo porque essa é a minha luta
E eu levo as feridas dessa luta
Conheço as minhas derrotas
Mas também sei quais
São as minhas vitórias


Sei que muitos não conseguem
Porque mais do que força humana
Isso é coisa que envolve
Esperança e fé em Deus


E sem a ajuda de Deus, nada podemos fazer
Pois, não se iluda, essa é uma luta
Que envolve arrancar fora
O olho que faz pecar
E cortar fora a mão pecadora


Envolve mais do que intenção
Comprometimento da vontade
Envolve luta, paciência e dor
Envolve cair e não ter vergonha
De se levantar e tornar a cair



Envolve jogar fora as máscaras da hipocrisia
E as desculpas infantis e inúteis
Envolve resistir a dor e a tentação
Envolve arrependimento sincero
E confiança absoluta em Deus...
Envolve ajuda dos irmãos de fé
E a compreensão de um bom pastor
Mas, acima de tudo, envolve mostrar
Frutos dignos de arrependimento
É isso, ou permanecer vergonhosamente infantil
Para sempre, para sempre, para sempre...

_VBMello