Vida de santidade

No Evangelho, a questão da santidade
Precede todas as outras questões
Ela é o bom fundamento
De tudo que edifica o coração
E enriquece a alma
Quem falha nesse ponto, falha em tudo


A santidade é a base viva da fé
Do amor e da esperança
Não é por falta de amor
Que o mundo jaz no Maligno
É por excesso de amor sem santidade
Enfim, a santidade é a base viva
De uma vida comprometida com Deus


Se o objetivo é agradar a Deus
Então, a santidade é o caminho
Não se pode falar seriamente de espiritualidade
Onde, primeiro, não se tem coragem de falar de santidade
A santidade vem antes de todas as coisas
Ela é a base principal de tudo
É a essência do reino de Deus
Assim, como o pecado
É a essência do reino dos homens


Deus é santo - e Deus não muda
Nós somos pecadores
E como pecadores
Não podemos ver Deus
Como se diz, sem santidade
Ninguém verá o Senhor
Então, precisamos mudar


Se o desejo do nosso coração
É ter olhos para ver e ouvidos para ouvir
Então, não há outro caminho
A nossa vida precisa
Dar uma guinada radical
Precisamos deixar o pecado
E voltar a nossa face
Para a luz da santidade de Deus
Precisamos nos deixar iluminar
Só assim, os nossos olhos se abrirão
Só assim, discerniremos o que é espiritual
Até, então, a nossa vida continuará sendo carnal
E as nossas lutas, todas elas, continuarão sendo
Lutas insanas da carne contra o sangue


Sim, precisamos de santidade
É a santidade que valida todas as virtudes
Tire a santidade do amor - e, imediatamente
O amor vira pretexto para todo tipo
De abuso físico, psicológico e sexual
Vemos isso acontecer o tempo todo
Em nome daquilo que o mundo
Entende e chama de amor
Muita gente já foi abusada sexualmente
E aniquilada mentalmente


Todo mundo conhece alguém
Que se deixou enganar
Por uma ideia desequilibrada de amor
E hoje vive cheio de traumas e feridas
Sofrendo e fazendo sofrer


Infelizmente, milhões de pessoas
Constroem a vida - ou tentam
Em cima de uma ideia de amor
Que existe completamente distanciada
De uma ideia equilibrada de santidade
Sobre essa ideia equivocada de amor
Elas sonham, fazem planos e sofrem
Às vezes, matam, às vezes, morrem


Uns - e isso é muito triste - confundem desejo com amor
Outros - isso é horrível - confundem carência emocional com amor
E, ainda outros, e isso é absurdamente comum
Confundem os seus desejos e taras sexuais
Como sendo indícios verdadeiros de amor
Essa confusão é o princípio do caos
O prenúncio de uma vida de arrependimentos


Quando as carências são saciadas
Quando o desejo acaba
Quando a tara é satisfeita
Quando a paixão esfria
O inferno começa


Todo mundo sabe, são essas pessoas
Assim desenganadas e feridas
As primeiras que dizem e espalham
Pelos quatro cantos do mundo
Que o amor não existe
É lamentável


Não, não é por falta de amor e justiça própria
Que o mundo jaz no Maligno
Ou, talvez, seja exatamente por isso
Que ele jaz no Maligno
A verdade é que o mundo
Está cheio de gente humilde e religiosa
Mas que não fazem a menor diferença
Em lugar nenhum... São humildes
Justas e boas, apenas de boca
São como nuvens sem chuva
Figueira sem figos
Pessoas rápidas em ofender
E lentas em perdoar
Todavia, justas
Do ponto de vista do mundo, pelo menos


Trabalham, casam e se dão em casamento
Pagam as suas contas
E, por isso, se imaginam boas e justas
Nunca foram presas
Nunca tiveram problemas com a justiças
Gente boa... Sim, gente boa
Mas no coração, onde ninguém vê
Fazem acepção de pessoas
São racistas, cruéis, preconceituosas
Invejosas, oportunistas e interesseiras
Só falam com os parentes
Ou, pior ainda
Só com os parentes que gostam
O resto, excluem, nem olham, nem falam, viram a cara
Há muita hipocrisia na justiça dessa gente
Falta verdade, sinceridade e santidade
Sim, são justas, mas de uma justiça pagã
Justas de uma justiça parcial e tendenciosa
Justas de uma justiça sem temor de Deus
Então, vem Jesus, acaba com a festa das vaidades e diz:


- Se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no Reino dos Céus. 

Deus meu! Isso é sério, muito sério!

Com efeito, “Sem santidade ninguém verá o Senhor. [Hb 12:14]

_VBMello


RECEBA AS NOSSAS ATUALIZAÇÕES:


Delivered by FeedBurner

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luta minha de cada dia

Não existe razão para ter medo...

Notas sobre fé e sofrimento...

Mas se não tiver amor, nada serei...

Francamente, esse Jesus é um estraga-prazeres!

Consolai-vos uns aos outros...

Bem-aventurados os humildes

Rede de escândalos...