Braços de pedra...



















Se braços de carne
Não abraçarem
Braços de pedra
Abraçarão
E o calor do afeto negado
Será buscado - e encontrado
Em colos de pedra fria...
Porque estes são os dias frios
Em que homens de coração de pedra
Se calam e as pedras, para a nossa vergonha
Falam, abraçam e dão colo, carinho e proteção...
Choremos... oremos... choremos... oremos... amemos
Porque diante das pedras, a nossa vergonha
É muito grande - e a nossa frieza... é imperdoável...
_VBMello


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luta nossa de cada dia...

Não existe razão para ter medo...

Notas sobre fé e sofrimento...

Mas se não tiver amor, nada serei...

Francamente, esse Jesus é um estraga-prazeres!

Consolai-vos uns aos outros...

Bem-aventurados os humildes

Rede de escândalos...