30 de março de 2017

Poesia também é dom de Deus











Não quero fazer sermão
Quero fazer poesia
Sem nenhuma implicação
Com a autoridade da bondade
Falar direto ao coração
Rir das coisas bobas da vida
Brincar na chuva
Falar bobagens
Comer bife com batata frita
Ver filme ruim e dar risadas
Saquear a geladeira no meio da madrugada
Aceitar a minha cara no reflexo do espelho
Ouvir música boa, comer bons livros
E pressentir a eternidade num grão de areia                          
Aprender humildade com os lírios do campo
E fé com pássaros que não plantam
Não colhem, nem ajuntam em celeiros
Sim, quero profetas do evangelhos e boa poesia
Quero poetas do evangelho e evangelho em poesia


Temos muitos profetas, um mar deles
Entre os falsos, alguns verdadeiros
Mas estamos em falta de poetas
Temos muita prosa, mas não temos versos
Temos muitos pulos e gritos
Sacrifícios, pedidos e promessas
Mas estamos em crise de silêncios
De tanta palavra enfeitada e ensaiada
Estamos ficando sem ter o que falar
Estamos cada vez mais gananciosos e infantis
E cada vez mais longe da pureza das crianças
Cheios de coisas supérfluas e vazios existenciais
Esquecemos muitas coisas bonitas e simples
Que os antigos sabiam de alma e coração


Poesia também é dom do Espírito Santo
É dom de cura, dom de discernimento
Dom de avivamento de alma
É língua estranha e declaração de amor
Testemunha das verdades e esperanças do coração
Coisa que faz rir, chorar, amar e pensar
Voz de consolação, clamor de libertação
Linguagem esquecida do espírito
Novidade de vida e alívio de fardos
Amadurecimento dos sentidos
Ânimo e vitória contra a dores e angústias de morte
Murmúrios e vislumbres inefáveis de outro mundo
Com efeito, todos os verdadeiros profetas e poetas
Sabem que onde Deus habita, há, necessariamente, poesia
Sabem que a beleza da poesia também é dom espiritual
Epifania e sinal inefável da presença do Espírito de Deus
Passeando, falando e agindo no meio de nós
Viciados em mania de grandeza e cegos e surdos 
Para a poesia, beleza e simplicidade das coisas de Deus...
_VBMello