17 de fevereiro de 2017

Filho Pródigo...





















Deus é o Pai Amoroso
E todos nós, sem exceção
Somos filhos pródigos


Homens e mulheres
Que partem da cidade de Deus
E pela força do próprio braço
Fascinados pelas luzes e prazeres
Das cidades dos homens
Se desviam do caminho
E sonham ir além
Do que Deus prometeu
E terminam sempre
Feridos e arrasados
Aquém do desejo sonhado
Então, humilhados e desajeitados
Abandonados e sem ter para onde ir
Mortos de vergonha e medo
Retornamos ao lugar de onde
Não deveríamos ter partido
E para nossa surpresa e espanto
Deus nos espera de braços abertos


E na nossa miséria mais profunda
No nosso fundo de poço mais degradante
Ele não aponta o dedo acusador
Não vira a cara, não expulsa
Não grita, não ralha e não amaldiçoa


Ele corre para nós e nos abraça apertado
Ele verte lágrimas de alegria
Festeja o nosso retorno aos seus braços
E restaura os nossos sonhos e esperanças


Pelos buracos e sarjetas da terra
Ele nos busca e nos encontra
E nos resgata das encruzilhadas
Sombrias da nossa existência
Cheia de dores, erros e pecados


Não vem a nós como um implacável
E vingativo Senhor dos exércitos
Vem como Pai idoso e amoroso
Sempre disposto para o perdão


Porque ele é bom e muito piedoso
Mesmo visando sempre a nossa perfeição
Ele suporta as nossas quedas e imperfeições
E perdoa os nossos muitos pecados


Mas não nos trata como crianças mimadas
Exige arrependimento e recomeço de vida
Exige verdade, sinceridade e retidão de coração
Se necessário, e sempre é necessário, ele nos corrige
Mas nunca para a nossa destruição e aniquilação
Mas para a nossa restauração e santificação
Pois, por toda parte, o seu desejo declarado
É que todos, com as armas da fé e do amor
Vençam as circunstâncias negativas da vida
E cresçam como imagem e semelhança de Jesus


Esse, portanto, é o alvo da justiça de Deus
A nossa salvação e a nossa perfeição
Em Cristo Jesus, nosso Senhor...
_VBMello

- - -
Imagem - Filho Pródigo. 1618. Por Rubens, atualmente no Museu Real de Belas Artes de Antuérpia, na Bélgica.