18 de dezembro de 2016

Rede de escândalos...

Políticos e pastores, os bons e os corruptos... Numa palavra: São hoje - e serão amanhã - o que foram ontem e antes de ontem. Os bons, passam fome, mas não se corrompem.


Os corruptos - como quem nasceu para isso - continuam cada vez mais corruptos. Tão à vontade na lama, como o peixe na água. Golpistas, mentirosos e trapaceiros, para quem, sem exceção, cada aperto de mão, simboliza uma vantagem ilegal.


Sim, olha o passado dessa raça corrompida (e nem precisar ser com lente de aumento), que todo dia, com a cara mais desavergonhada do mundo, cai nas malhas da justiça, se dizendo inocente: Mais sujo que pau de galinheiro. O passado e o presente dessa gente, sem tirar nem por, é tudo uma coisa só: corrupção, vaidade, mentira e cobiça.


O amor ao dinheiro circula no tutano da alma dessa raça. Tudo nessa gente - coração, alma e mente - está aberto a negociação ilícita. Nos palácios e nos templos – desnecessário dizer que ainda existem exceções -, a crise de caráter é generalizada.


Tem mais jeito não. É inútil dar crédito de arrependimento e reeleger essa raça. São como o leopardo que não consegue mudar as suas manchas. Só sabem roubar e arrumar desculpas. Só pensam em grana, mesmo que isso lhes custe o caráter e a alma, se é que algum dia já tiveram essas coisas, pois sempre que olho para eles, imagino homens ocos... Gente do tipo que o Salmo 1, diz que não vale a pena nem chegar perto, pois tudo que essa raça fala e promete, é mentira e perda de tempo. Raça de víboras!
_VBMello